RPG no universo de Guilenor
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 O Leão e a Águia

Ir em baixo 
AutorMensagem
Mateus
Sua Excelência
Sua Excelência
avatar

Mensagens : 1210
Data de inscrição : 22/05/2015
Idade : 19

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: O Leão e a Águia   Qui Nov 26, 2015 1:06 pm

O jovem Annatar II parte de Dortheryn, acompanhado de Tristan Silvaris, rumo à área de Bruxedos. O armadyleano havia recebido uma missão dos Protetores da Paz, a ordem encarregada de caçar corruptos e fazer o "serviço sujo" para com estes.
A viagem até Bruxedos dura quase três dias. Na cidade, o Silvaris recebe os papéis com informações sobre o Lorde Dunston, de Dunstonbury. O mesmo havia mentido informações sobre sua colheita e sobre sua arrecadação, ficando com uma parte do dinheiro para si. Parecia estar montando um fundo para contratar mercenários e iniciar uma rebelião contra seus lordes da Casa Laennish, algo que foi rapidamente identificado pelos agentes dos Protetores da Paz.
Os dois jovens partem para Dunstonbury após terem pego vinte bons homens que iam disfarçados de mercadores para a vila que estava sob os domínios do Lorde Dunston.
A ação no castelo é rápida. Com os agentes que já estavam infiltrados no local, mercenários e homens Laennish, a invasão não se torna tão complicada. Derrotando o capitão da guarda e mais alguns soldados leais ao Lorde Dunston, Annatar e Tristan partem para dentro do castelo em si, em busca do próprio.

Enquanto isso, na sala do cadeirão do Lorde Dunston, Revan esperava. Havia se tornado uma "espada juramentada" do mesmo, embora fosse nada mais que um mercenário que havia sido contratado em Bruxedos. Outros dois guardas estavam às portas do salão, embora já também fossem contratados por Revan para não fazerem nada quando a invasão ocorresse. A jovem filha bastarda de Lorde Dunston estava presente, puxada para seu colo. Ninguém a conhecia, pois havia sido tratada por toda sua vida como uma criada do castelo, forçada a servir ao pai de todas as formas que o agradassem e nunca tendo conhecido o mundo de fora.
A tensão crescia a cada instante no local. Ela tentava acalmar o pai, mas de nada adiantava. Subitamente as portas de carvalho tornam-se pura chama, e os dois cavaleiros pulam para dentro do local. Os guardas, como combinado, largam suas espadas. Num ato de traição, Revan apunhala o lorde pelas costas através de um dos buracos do cadeirão.

Uma discussão se segue. Decidem levar a filha de Dunston para Bruxedos, para que ela pudesse decidir seu destino, enquanto os demais homens seguiam seus caminhos. Revan vai para Bruxedos juntamente a Annatar, embora o Laennish mantivesse certa distância do mercenário, e os soldados que haviam trazido levam o que era devido do castelo para a cidade. Tristan segue para a sede dos Protetores da Paz com as notícias do sucesso de sua missão.

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
O Leão e a Águia
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» VW Karmann Guia
» [MegaHouse] Excellent Model Saint Seiya Omega YUNA DE ÁGUIA
» Loja Águias e Dragões
» [Imagens] Marin de Águia.
» Guia de Antena - Uma ajuda para os iniciados

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Reinos de Guilenor :: Saga da Quinta Era :: Arquivo da Saga da Sexta Era :: Diálogos e Combates (Menores)-
Ir para: