RPG no universo de Guilenor
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 A Chama de Zamorak

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
Matheus
Tar-Atanion
Tar-Atanion
avatar

Mensagens : 2725
Data de inscrição : 04/05/2015
Idade : 19

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: A Chama de Zamorak   Sex Dez 18, 2015 9:45 pm

Desperto de seu longo sono e livre de sua prisão, Azth'Rakar vaguearia em sua caverna para planejar o próximo passo que daria, até que encontraria no chão um rolo que trazia um selo vermelho. Ao pegá-lo, ele perceberia que se tratava de uma mensagem de Lorde Hazeel, uma convocação para que comparecesse em seu esconderijo. O Tsutsaroth teleportaria-se para lá em seguida, e na entrada apresentaria o selo, conseguindo permissão para prosseguir.

No salão principal, Hazeel estaria sentado numa espécie de trono, rodeado de líderes zamorakianos, entre eles Jerrod, Daquarius e Roderick Handelmort, ninguém menos que o Tesoureiro da Coroa de Kandarin e filho de Francis Kurt Handelmort. Azth'Rakar teria uma fria recepção e logo se iniciaria uma longa discussão sobre diversos assuntos. Daquarius e Roderick seriam parabenizados por conseguirem enganar os nobres da Aldeia dos Videntes e de Catherby convencendo-os de que Asgarnia reivindicava aquelas províncias para si e que planejava invadir o território e que Thoros as entregaria gratuitamente, confiscando as propriedades da nobreza local, para que não houvesse guerra, levando-os à rebelião, com o uso de mensagens oficiais com os selos dos Ardignas e dos Hothensen. Jerrod seria incumbido de matar Thoros, sendo assistido por Roderick em sua infiltração no castelo, e o Tsutsaroth de ir à Passagem Subterrânea atrás dos carniçais de Iban e dos Alyaroth que viviam na caverna, afim de usá-los no Incêndio de Ardonha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Matheus
Tar-Atanion
Tar-Atanion
avatar

Mensagens : 2725
Data de inscrição : 04/05/2015
Idade : 19

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sex Dez 18, 2015 10:10 pm

Azth'Rakar, ao sair do esconderijo de Hazeel, procuraria por um humano que pudesse usar como recipiente para infiltrar-se em Ardonha Ocidental e chegar à Passagem sem levantar suspeitas. Entre as árvores dos bosques ao sul da capital kandariniana, ele encontraria dois rapazes brigando, aparentemente, porque a irmã de um deles havia sido violada pelo outro. O avérnico derrotaria os dois e possuiria um deles, continuando a seguir em direção à cidade.

Já em Ardonha Ocidental, Azth'Rakar tentaria convencer os guardas da passagem a deixá-lo entrar, mas seria escorraçado da entrada com ameaças. Um velho bruxo zamorakiano, porém, reconheceria nele o poder avérnico e o ajudaria. Como parte do plano, Koftik, um oficial da coroa, seria sequestrado e possuído pelo Tsutsaroth. Ele possuía permissão para entrar e sair da passagem a qualquer momento, então nenhum obstáculo permaneceria no caminho de Rakar.

Dentro da caverna, ele procuraria pelos carniçais e pelos Alyaroth, e encontraria um monge alimentando os carniçais guardados em grandes gaiolas. Através do jovem, ele seria informado que Iban II, filho de Iban, que se dizia filho de Zamorak, chefiava os homens na torre e seria ele com quem teria de negociar para conseguir os 'animais de estimação'. Ao conversar o feiticeiro, Azth seria zombado e, não conseguindo o que queria, seria ainda preso pelo séquito de monges. Mas um ataque inesperado dos anões, que levaria à morte de todos os zamorakianos, inclusive seu líder, daria-lhe a chance de escapar, bem aproveitada por este.

Mais adiante, ele encontraria os avérnicos e os derrotaria num duelo, ganhando sua confiança. Com a ajuda deles, conseguiria arrebanhar os carniçais para o andar superior, onde acampariam planejando o que viria a seguir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mateus
Sua Excelência
Sua Excelência
avatar

Mensagens : 1210
Data de inscrição : 22/05/2015
Idade : 19

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Dom Jan 03, 2016 8:30 pm

(Documentação do Doctume)

Após algum tempo preso, Azth'Rakar é interrogado por um paladino enviado por Thoros. Embora não consiga escapar através de sua lábia, sua habilidade em jogos mentais por pouco o tira de seu cárcere.
Algum tempo depois, dois cavaleiros e um mago iniciam um estudo com o comportamento do mesmo. Um dos cavaleiros se revela aliado de Azth, libertando-o quando não houvesse ninguém por perto. Ele assumiria a forma do mago e escaparia do castelo de Ardonha.
Ele é levado pelo cavaleiro até uma casa vazia onde é lhe atribuída, em nome de Thoros, a tarefa de incendiar as duas igrejas de Ardonha e matar o Chanceler Terrance. Em seguida, o cavaleiro, Normand, reporta a Terrance que tudo correra como planejado por ele próprio, embora Terrance demonstrasse alguma preocupação sobre o que ele poderia ter feito.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mateus
Sua Excelência
Sua Excelência
avatar

Mensagens : 1210
Data de inscrição : 22/05/2015
Idade : 19

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Jan 05, 2016 7:17 pm

Após receber a missão, Azth começa a cumpri-la no dia seguinte. Após sequestrar um homem na área rural e deixá-lo preso em sua casa, ele parte para observar as rotinas da Igreja e do Monastério. Já pela alta madrugada, começa a agir, ateando fogo na porta de madeira da igreja e por dentro ao quebrar as janelas, conseguindo fugir depois apesar de ser perseguido por um percurso pelos guardas. 
Partindo depois para o sul, já quase no horário da alvorada, utiliza-se de carvões minerados próximos para ajudá-lo na missão, quebrando os vidros do mesmo e fazendo o fogo se espalhar pelos carvões jogados e estruturas de madeira. As duas ações levam à morte de diversos monges e irmãos, em sua maioria os mais velhos.
No outro dia, Azth toma a identidade do homem que havia sequestrado e segue para a Praça de Ardonha, onde ocorreria o discurso de Terrance. 
Depois de confirmar com o homem que o contratara, que estava na entrada da cidade, como combinado, ele parte para próximo do palanque com dificuldades. Após alguns problemas, consegue subir no mesmo.
O discurso sobre a inauguração de Ardonha Ocidental seguia por parte do Chanceler quando o atentado ocorre. Terrance consegue impedir a adaga de matá-lo ao colocar o braço na frente, e subjuga o assassino com suas habilidades mágicas. Ele declara em alto e bom som que fazia aquilo por Thoros, que o contratara para se livrar dos que o impediam de governar, a Igreja e o Chanceler. Aquilo causa extrema revolta na população, e Terrance lança o homem na direção dos mesmos, onde não dura mais do que alguns minutos até ser desmembrado.
Deixando o corpo do possuído, Azth vai até o bosque onde havia combinado de encontrar Normand. Lá, recebe sua recompensa: Informações valiosas sobre a IMZ, a guerra no sul e uma comitiva de anões apoiadores da Machado Vermelho que viriam em breve.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Jan 07, 2016 11:03 am

Após receber as informações de Normand, Azth enviaria um corvo até Khazard avisando sobre o ataque iminente de Thoros e dos gnomos.
O caos deve ser preservado, não importa o que aconteça.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Jan 12, 2016 9:21 pm

Após a grande batalha nos Campos de Khazard, Azth iniciaria uma busca para encontrar Hazeel. O motivo? A busca pela cura da maldição lançada nos anões do caos, que prometera aos últimos membros da Machado Vermelho, anões aflitos pela maldição.
Após dias de busca, Azth descobriria que as forças restantes dos Mahjarrats haviam se refugiado na ilha de Karamja, em Cairn.
O demônio encontraria-se com Hazeel, que o prometeria seu apoio se ele lhe cumprisse certas tarefas para restabelecer seu poder. Azth de pronto aceitaria, mas tudo estaria conectado a um plano maior, um refúgio para a evolução através do caos, um oásis de progresso em um mundo estagnado. Uma utopia.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Jan 14, 2016 11:06 am

Ao receber a missão de Hazeel, Azth de pronto alçaria voo sobre Karamja, procurando por alguma vila tribal.
Ele localizaria Shilo, a última vila remanescente do Antigo Império Karamji, e se dirigiria a seu xamã.
O velho se negaria a entregar a cura para a peste, mas uma ameaça bem colocada faz o xamã o entregar todos os remédios a Azth, disfarçado de aventureiro.
Uma.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Jan 19, 2016 1:13 pm

A conclusão da primeira tarefa levaria Azth a sua próxima tarefa: Encontrar suprimentos para os soldados de Hazeel e Khazard.
Ele procuraria ajuda de Moldark, Emissário de Zamorak, que lhe diria sobre o mercador Joshua Graham, um apoiador da causa dos servos do Senhor do Caos. Azth se dirigiria a Porto Sarim, em busca do mercador.
Conseguindo o fornecimento de suprimentos, o demônio havia completado mais uma tarefa.
Duas.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Jan 19, 2016 1:26 pm

A terceira tarefa de Azth, era, de longe, a mais importante. Ele precisaria de armas e armaduras para Hazeel. E ele as encontraria, ao descobrir sobre um navio vindo de Wushanko, carregado de artigos do mais duro metal oriental.
Procurando por piratas para lhe auxiliarem no saque, ele encontraria o bando do Capitão Enrico, o qual contrataria de prontidão.
Após a conversa com o Capitão, Azth daria ordens aos anões do caos para montarem um acampamento nos arredores do porto pirata nas Terras Selvagens, o qual usaria como ponto de absorção. O plano estaria armado.
Dias de viagem se passariam, até que o navio finalmente encontraria sua presa: Uma enorme fragata oriental, com dez canhões em cada lado e três velas. O demônio daria ordens a tripulação para albarroar no "Monstro Oriental". Enquanto um grande combate ocorria ao seu redor, Azth enfrentaria o Capitão da fragata, derrotando-o e decapitando-o. O saque seria um sucesso.
Ao chegarem no porto pirata, ele revelaria sua verdadeira identidade, diria que os anões estavam sob seu comando, e prometeria ao encarregado pelo local, o pirata Edward, e a Enrico riquezas, poder e mulheres. Quatro coelhos com uma só cajadada.
Três.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Jan 28, 2016 12:48 pm

Enviado por Razulei, alfaiate de Zamorak, até Infernus, com a missão de assegurar o controle zamorakiano sobre o planeta, Azth'Rakar seria apresentado a sua Legião e seu subcomandante, Astha'roth.
Seu primeiro passo na cruzada contra os zarosianos seria o ataque a uma fortaleza nas imediações.
O ataque seria um sucesso. Os sobreviventes do lado defensor seriam presos dentro da própria fortaleza, que seria completamente destruída, matando todos.
Mas a cruzada estaria apenas começando. Astha'roth apresentaria a Azth um relatório do que encontrou na fortaleza. O castelão não estava no local, nem todas as tropas. E Azth sabia que eles viriam.

Restante das Tropas:

Diabinho(65 bts)(mal-treinados):

Pontos Vitais: 200
Ataque: 280
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 200
Resistência: 100
Agilidade: 300

Byzroths(40 bts)(treinados)

Pontos Vitais: 200
Ataque: 0
C. a Distância: 0
Magia: 400
Defesa: 280
Resistência: 200
Agilidade: 200

Alyaroths (0 bts)(Veteranos)(Magia):
5 direita

Pontos Vitais: 280
Ataque: 0
C. a Distância: 0
Magia: 800
Defesa: 200
Resistência: 300
Agilidade: 100

Alyaroth (15 bts)(veteranos)(CaC):

Pontos Vitais: 280
Ataque: 800
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 300
Resistência: 200
Agilidade: 100

Tsutsaroths(elite)(6bts)

Pontos Vitais: 280
Ataque: 1000
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 500
Resistência: 400
Agilidade: 200
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Jan 28, 2016 4:36 pm

Algum tempo após o combate, seriam enviados batedores diabinhos para reconhecerem o terreno á frente. As notícias vindas das criaturinhas seriam terríveis. Três enormes legiões estariam marchando até a fortaleza da legião de Azth'Rakar.
Astha'Roth daria as notícias a seu superior, informando detalhes sobre as legiões inimigas. Ele aconselharia a Azth a executar alguns procedimentos para defesa, mas adverte que o tempo que possuem até a primeira legião chegar era curto.
O comandante decidiria iniciar a construção de máquinas de defesa para o eventual cerco e recrutar mais demônios nos arredores, para cobrir as perdas da batalha anterior. Sozinho na sala de estratégia e debruçado sobre o mapa, Azth pensaria em quem ou o que estava por trás de tudo aquilo.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Jan 28, 2016 4:54 pm

Em sua comitiva demoníaca, Azth'Rakar marcharia pelos arredores de sua Fortaleza procurando e discursando para demônios de todas as castas e poder, porém, não conseguiria reunir nenhuma arma.

Em sua Fortaleza, os Engenheiros de Guerra, já a muito tempo sem construir armas e desacostumados com a pressão, conseguiriam construir apenas 10 Balistas e 5 Catapultas.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Fev 25, 2016 7:11 pm

A primeira legião inimiga finalmente chegaria as imediações da fortaleza da legião.
A batalha seria acirrada, porém Azth venceria e capturaria o líder inimigo. Ele seria interrogado e torturado, porém não deixaria escapar nada.
O oficial seria esfolado e sua pele usada como adorno para Azth, porém, o corpo do oficial explodiria, abrindo um rombo na sala de táticas da fortaleza.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Mar 08, 2016 7:39 pm

Após as devidas preparações, reparos e manufaturas, a segunda legião viria.
O combate seria ótimo para as tropas aliadas, com perdas quase nulas. Embora uma pequena quantidade de inimigos conseguira fugir, a vitória seria gloriosa.

Restante das Tropas:

Muralha: 7.000 pontos vitais
Torres: 4.000 pontos vitais cada e 2.500 c ada (destruídas)
15 catapultas demoniacas: 1000hp 1000dano
20 balistas demoniacas 1000 dano

Diabinho(33 bts)(mal-treinados):
20.000
Pontos Vitais: 200
Ataque: 280 (360)
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 200
Resistência: 100
Agilidade: 300

Byzroths(40 bts)(treinados)
10.000
Pontos Vitais: 200
Ataque: 400 (510)
Defesa: 280
Resistência: 200
Agilidade: 200

Alyaroth (30bts)(veteranos)(magia):
Pontos Vitais: 280
Magia: 800 (1040)
Defesa: 300
Resistência: 200
Agilidade: 100

Alyaroth (45 bts)(veteranos)(CaC):
7.000hp
Pontos Vitais: 280
Ataque: 800 (1040)
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 300
Resistência: 200
Agilidade: 100


_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Mar 17, 2016 8:57 pm

Nas medidas tomadas durante o meio-tempo entre a última batalha e a próxima, General Azth'Rakar conseguiria:

60 Batalhões de Demônios Treinados de Magia
30 Batalhões de Demônios Treinados
20 Batalhões de Demônios Veteranos de Magia
20 Batalhões de Demônios Veteranos

15 Catapultas Demoníacas
20 Balistas Demoníacas

Fosso
10 Caldeirões de Lava
5 Arpões com Corda para as Balistas
5 Armadilhas de Rochas

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sex Mar 18, 2016 2:58 pm

A hora da terceira e última batalha chegaria. O destino da Cruzada Ardente estava nas mãos daquela única batalha.
O próprio Martelo de Zaros estaria liderando a Última Legião. Extremamente organizada, extremamente perigosa. A grande batalha final começaria acirrada. Muitas tropas seriam perdidas, a fortaleza da Legião Ardente receberia danos graves, com a destruição de todas as torres e balistas.
Então, o General Azth'Rakar puxaria suas cartas finais. Em um ataque kamikaze, ele abriria um grande rombo nas tropas zarosianas, e em seguida atacaria com todo seu poder de fogo, massacrando todas as forças restantes.
O Martelo de Zaros finalmente estaria derrotado, reduzido ao patético estado de um aleijado. Ele seria executado pelas forças zamorakianas. O general faria um discurso inspirador as suas tropas, descrevendo os novos horizontes que estavam por vir.
Os horizontes de Guilenor.

Muralha: 1 arrombamento.
Torres todas destruídas.
30 catapultas demoniacas

Byzroths(50 bts)(treinados)(magia)
10.000
Pontos Vitais: 200
Magia: 400 (510)
Defesa: 280
Resistência: 200
Agilidade: 200

Alyaroth (45bts)(veteranos)(magia):
Pontos Vitais: 280
Magia: 800 (1040)
Defesa: 300
Resistência: 200
Agilidade: 100

Alyaroth (30 bts)(veteranos)(CaC):
7.000hp
Pontos Vitais: 280
Ataque: 800 (1040)
C. a Distância: 0
Magia: 0
Defesa: 300
Resistência: 200
Agilidade: 100
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sex Abr 08, 2016 7:37 pm

Após o retorno a Guilenor e a chegada da Sacra Legião Ardente de Zamorak, o General Azth'Rakar necessitaria de mais terras para acomodar tantas tropas.
Um mapeamento da área da Terra Selvagem seria feito pelos batedores de Astha'Roth, levando-os até o Castelo Pária próximo a taverna pirata onde a Legião estaria instalada.
O fator medo levaria os párias a enviarem um Porta-Voz em busca de negociações. Em pouco tempo, ambos os lados chegariam a um acordo, com novos integrantes contando agora para a Legião Ardente.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Abr 26, 2016 7:42 pm

Azth'Rakar enviaria piratas para saquearem vilas e fazendas em busca de alimento para suas tropas.
Em seguida, ele voaria até a cratera da Espada dos Éditos, onde convocaria os demônios residentes para uma espécie de reunião.
Ele faria um discurso inspirador, fazendo com que todos os residentes jurassem lealdade a primeira e única Sacra Legião Ardente de Zamorak.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Qui Abr 28, 2016 8:41 pm

Como prometido, o Clérigo voltaria até Azth'Rakar com relatórios e as levas iniciais dos materiais e escravos. Joshua  explicaria que a situação atual dos Kinshras os deixaria em uma posição complicada de arranjar mais escravos, porém, eles poderiam sabotar patrulhas Asgarnianas e entregar informações de navios de mercadores nos mares sul para o General.

Enquanto isso, batedores e agentes Kinshras se espalhariam por todos os cantos da Terra Selvagem, ficando de olho na Legião Ardente e também em qualquer outra movimentação.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sab Abr 30, 2016 10:05 am

Com os materiais prontos, os escravos da Legião Ardente seriam forçados a trabalhar em um grande projeto pelos seus feitores demoníacos.
Uma grande cidadela estaria sendo construída nos confins da Terra Selvagem. A Cidadela Ardente.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Dom Maio 01, 2016 12:39 pm

A conclusão da Cidadela levaria os escravos a trabalharem em novos projetos: Uma academia e uma oficina, utilizadas como expansões da construção anterior.
Enquanto isso, outros escravos seriam postos para minerar no Fosso dos Escorpiões.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Ter Maio 03, 2016 9:52 pm

Precisando de aliados e recursos, General Azth'Rakar possuiria um humano e mudaria sua aparência para algo mais de seu agrado, com isso, ele viajaria para Karamja e em seguida para Shilo, aonde o Tai Naara teria estabelecido seu trono no Tanado de Ekhaya.

Lá, ele notaria os avanços militares e civis, mais claramente na arquitetura local. Conforme avançaria pela cidade, ele notaria a comoção dos comuns na praça central, que ficaria a frente do Grande Salão do Tai, os tribais camponeses estariam observando com curiosidade a comitiva de cavaleiros ostentando brasões e símbolos de águias com duas cabeças, como também, alguns montados em enormes águias gigantes. Após analisar isso, com certa dificuldade, Azth conseguiria entrar no Salão e interromperia uma Reunião do Tai Naara com o "Tai" Erik.

Erik se retiraria da sala por questão de educação, deixando Azth e Naara conversando por alguns minutos. Azth faria tentativas de demonstração de poder ou amedrontar indiretamente Naara, falhando miseravelmente, então, faria proposta de aliança que Naara recusaria diretamente. Porém, o Tai diria para Azth'Rakar o mesmo que teria dito a anos atrás, para outro líder de outra religião: "Não irei fazer promessas e alianças, porém, podemos negociar e não nos agredir".

Seria assinado um tratado de não-agressão e a abertura para mais negociações no futuro, relativamente feliz com isso, Azth partiria e Erik voltaria a negociar com o homem. Erik discutiria, fora dos ouvidos de Azth, sobre a forma agressiva que o Tai teria resolvido os seus problemas com os Asgarnianos e Kandarinianos, por motivos de respeito ao tempo de comércio, o Tai responderia sem seu tom hostil comum e explicaria a Erik que esses forasteiros ocupariam terras que pertenciam aos Karamji e tratariam os nativos como se fossem animais, Erik não saberia o que responder se calaria. Em seguida, eles conversariam sobre negócios e nada seria tratado.

Ao sair do Grande Salão e estar saindo da cidade, o filho mais velho do Tai, Baara, pararia Erik e teria uma conversa ... interessante com o jovem Rei.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sex Maio 13, 2016 2:54 pm

Com o passar de um longo período de tempo e no inicio do verão, o Castelão Astha'roth convocaria o General Azth'Rakar a uma reunião de emergência. Nesta reunião, ele apresentaria o novo mapa de estratégias e o trono ao general, em seguida, começaria os assuntos.

Inicialmente se trataria sobre uma porção considerável da Legião começando a se rebelar por falta de ação e rações baixas, então Astha'roth apontaria para por as tropa em movimentação contra uma antiga Fortaleza Zarosiana ao norte do Território Troll, mais especificamente, Ghorrock. O General gostaria da ideia e daria a ordem para a movimentação.

Em seguida, seria tratado sobre a Guerra Civil de Karamja e o crescimento do poder de Simon Mercer, em ambos os casos, o General apenas diria para manter-se informado.

Sobre alianças, o General diria apenas para procurar os Gnomos Negros de Arposandra.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Diógenes
Lorde
Lorde
avatar

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/05/2015
Localização : Infernus

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Sab Maio 14, 2016 10:21 am

Azth obteria informações sobre o culto aos Espectros Selvagens, descobrindo que eles possuiam conhecimento sobre os segredos sombrios destas terras.
Sabendo disso, ele teria um reunião com o Vidente Líder e concordaria em enviar algumas tropas para coletarem argila sagrada em troca do conhecimento.

_________________
“We shall arise. We shall consume. You shall be subjugated, or be destroyed. The Dominion has come to light, and shall block out the sun that shines over your universe. The shadow that will be cast over your souls shall be that of death. All you can do is watch your world crumble. Resistance is indeed unsubstantial. You may not fear us... But that will be your fatal flaw. What will you do when we stand to eclipse your 'might'? We will rest assure that there shall be no place to hide... No stone not turned.

Tur'ina'iad a'eldgar kal'tor thr'ranach. We declare war.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   Dom Maio 15, 2016 4:07 pm

Com o crescimento exageradamente rápido de Simon Mercer, agora Volvh Berislav, Azth'rakar receberia através de Astha'roth uma carta, vinda de Berislav.

Ele estaria reconhecendo uma série de líderes na Terra Selvagem como verdadeiros líderes nessas terras, como também,comunicando a independência e nacionalidade do Voivodina de Chernigov. O General Demoníaco e seu Castelão discutiriam sobre essas ações e palavras, no final, seria decidido que apoiariam os possíveis inimigos de Berislav para eliminar os possíveis aliados do mesmo.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A Chama de Zamorak   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A Chama de Zamorak
Voltar ao Topo 
Página 1 de 4Ir à página : 1, 2, 3, 4  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Vamos ajudar a mudar a imagem do motard?
» [FP] Wilde, Théophile
» Notícias da Saga

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Reinos de Guilenor :: Saga 1 - Guilenor :: Interpretações-
Ir para: