RPG no universo de Guilenor
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Novo Tópico   Responder ao tópicoCompartilhe | 
 

 Irmãos de Escudo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Irmãos de Escudo   Seg Fev 29, 2016 10:37 pm

Thane Balder, ou Balde Punho-de-Vasador, seria um homem reconhecido pelo território Fremennik por atos de bravura e sucesso em combate. Observando os sucessos dos saques, porém, a aleatoriedade dos quais os Fremenniks se organizavam, ele reuniria os mais bravos guerreiros e guerreiros que seriam leais a ele em Kattegat e partiria para Rellekka. Na Capital da região, ele procuraria por uma reunião com o Jarl.

Na Reunião, Balder faria discursos para motivar os presentes no Grande Salão do Jarl Brundt e em seguida mostraria seus planos para saquear e conquistar as Ilhas de Anzolina. Ele conseguiria convencer o Jarl e criar uma grande expedição com seus guerreiros e barcos, recebendo 60% dos lucros e Balder 40%.

Em poucos dias, uma enorme frota Fremennik começaria a navegar em direção as Ilhas, a maior frota já vista saindo de Rellekka.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Augusto
Lorde
Lorde


Mensagens : 256
Data de inscrição : 05/05/2015

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Qui Mar 03, 2016 2:36 pm

o Thane Balder Punho-de-Vasador e Jarl Brudnt desembarcaram com suas frotas na ilha Anzolina em meio a uma tempestade forte. A guarda local estava ocupada protegendo a colheita, os barcos e a população local dos efeitos torrenciais da tempestade, e seus faróis não conseguiriam detectar a chegada dos invasores por conta da chuva forte. A guarda seria pega de surpresa, quando os fremennik já estavam nos portões da aldeia. A batalha duraria alguns dias, os homens de Anzolina desesperadamente protegendo o forte e a aldeia dos gigantes do norte, que estavam em número bem maior, mas seria em vão. Com o forte destruído e os fremennik dentro da aldeia, os últimos homens do Marquês Alpin cairiam sob a fúria dos invasores, e o próprio marquês e seus filhos seriam capturados em batalha. Alpin pediria misericórdia pelos seus filhos, e mostraria sua fé e resignação diante da morte. O Punho-de-Vasador debochava da sua fé, e para provar seu ponto, executaria sumariamente o bispo covarde da ilha, que orava repetidamente, apavorado. Alpin perderia o controle e tentaria atacar Balder, mesmo que estivesse velho e ferido, e Balder cravaria seu machado sobre sua testa. Ele ordenaria que todos os cativos fossem presos. Assistindo a todo o espetáculo, Kurog gro-Bagrakh apareceria e estenderia uma proposta de aliança com os invasores fremennik. Balder aceitara a aliança. Ele e Jarl Brundt providenciariam a chegada de colonos fremennik na região, reconstruindo a aldeia e dando o nome à ilha de Kattegat.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Qui Abr 21, 2016 8:42 pm

Poucas semanas após o ataque a ex-Anzolina e agora Kattegat, os Drakkars de Rellekka junto de seus Guerreiros Fremenniks levantariam as ancoras e partiriam pelo norte, em seguida, cruzando pelo rio de fronteira de Rellekka com território Sinclair. Na viagem até o rio, os homens do norte não tomariam pressa, esperando por sinais do Sábio de tempestade ou chuva, quando este tivesse os sinais, eles asselariam a viagem e logo chegariam aonde desejavam aportar.

Ancorados nas margens norte da cidade da região, os Homens do Norte correriam pelas florestas e saqueariam com velocidade e voracidade os postos avançados e aldeias, não deixando que estes avisem de suas chegadas. Próximo dos muros da cidade, os Guerreiros Nórdicos atacariam junto com uma tempestade que estaria chegando, esta, ajudando-os a ocultar forças que escalariam os muros do lado oposto do ataque, facilitando no ataque.

O cerco levaria um dia e uma noite inteira, até que, os homens do norte seriam vitoriosos e com relativas poucas baixas. Muitos teriam se entregado e os nobres e representantes da província relatariam sobre as tropas que voltariam, dizendo que o Lorde Sinclair teria marchado contra outra província. Imediatamente, Jarl Balder repetiria as ações que teria feito após a conquista de Anzolina nesta província, porém, ela não seria entregue a ele e sim a outro Lorde Nórdico que acompanharia a expedição, Balder não ficaria bravo ou ressentido com esta ação de Jarl Brundt. Com os saques reunidos e todas as Igrejas Saradoministas da província em chamas, Jarl Balder faria um ultimato para que todos abandonassem a sua fraca e falsa fé, principalmente, aos nobres e representantes, a maior parte negando. Balder então iniciaria o Ritual da Águia de Sangue carregando estes homens até a Praça Central da cidade, ele explicaria que estes homens teriam suas costas abertas, pulmões retirados e colocados sobre seus ombros, tudo isso, ainda vivos e de que, de acordo com a cultura Fremennik, se eles gritassem não descansariam ao lado de Vasador, porém no caso dos Saradoministas, se eles gritarem ou chorarem durante o processo, seus corpos seriam entregues a suas famílias e suas cabeças enfeitariam os muros da cidade.

O Ritual começaria e maior parte dos lordes e nobres não aguentariam as dores e acabariam por gritar ou chorar, Balder cumprindo sua promessa nos dias seguintes, entregando os corpos a comitivas de civis que iriam embora da região.


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Qui Jun 16, 2016 3:25 pm

Com as noticias chegando aos ouvidos do Jarl Balder, ele reuniria a Força Expedicionária Fremennik e suas forças pessoais e navegariam até a Província de Fyrtarn (Farol), lá após um longo banquete com o Jarl, ele relataria que parte de suas tropas ficariam na cidade por algumas semanas, esperando sinal para navegarem para Piscatoris, o Jarl sendo um dos apoiadores da Expedição, não veria problemas nisso, desde que os homens de Balder ajudassem a província no meio-tempo. Os Drakkars ficariam a espera das ordens de Balder, sempre postos nos portos e preparados, enquanto isso, Balder navegaria para a região de Piscatoris com uma relativamente grande comitiva.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Augusto
Lorde
Lorde


Mensagens : 256
Data de inscrição : 05/05/2015

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Dom Jun 19, 2016 4:17 pm

Balder enviaria um vidente adiante disfarçado, para pregar em Piscatoris sobre a chegada de uma enorme invasão Airut e a necessidade de reunir todos que sejam capazes de lutar para fechar o portal antes que seja tarde demais, através de uma grande ofensiva. A pregação mobilizaria o povo de Piscatoris através do desespero, e terminaria de convencer o novo Duque de que esse seria o momento para atacar e dar um fim aos saques que depredavam as suas terras por direito há anos. O Duque mobilizaria seus exércitos para uma grande ofensiva contra os airuts, deixando apenas uma pequena guarnição na cidade. À frente da invasão, o vidente afirmaria ser capaz de fechar o portal assim que todos tivessem atravessado as linhas dos airuts.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Matheus
Tar-Atanion
Tar-Atanion
avatar

Mensagens : 2725
Data de inscrição : 04/05/2015
Idade : 18

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Dom Jun 19, 2016 6:28 pm

Antes de seguir com seus planos, Balder e uma pequena comitiva de guerreiros velejaria ao sul e penetraria nas florestas através de cursos fluviais. Eles desembarcariam e procurariam pelo local do último acampamento centauro conhecimento, sendo interceptado por uma comitiva deles muito antes disso. Ele anunciaria ter vindo em paz, e seria levado ao líder centauro, Farendor, que estava numa clareira com alguns guardas. Eles conversariam e Balder falaria de seu desejo de se tornar um saradominista, depois de fazer várias perguntas sobre Saradomin. O chefe fremennik seria baptizado por um sacerdote centauro, recebendo o nome de Johann.

Lokietek, por fim, selaria um acordo com Farendor para que se ajudassem a destronar Mikhail Hardi em Piscatoris, por seus crimes, e expulsar os airuts, afirmando ainda seu desejo de estabelecer seu povo na península ao término do conflito e se comprometendo a negociar sobriamente com os governantes de Kandarin quanto à vassalagem da região ao Trono de Ardonha.

_________________
Saradomin salve Sua Graça, Louis Guillaume von Carnillean, Rei de Kandarin
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Seg Jun 20, 2016 4:18 pm

Após as tropas Reais de Kandarin descerem a fronteira sul de Piscatoris, Balder reuniria uma pequena comitiva e partiria as pressas em um de seus navios mais rápidos em direção a Rellekka, a sua frente, enviaria um navio menor e mais ágil para comunicar os Jarls e convoca-los a uma reunião de emergência.

Em Rellekka e no seu Grande Salão, Balder relataria os seus feitos em Piscatoris e o que teria alcançado, inicialmente, a maior parte dos Jarls refutando a decisão de Balder e que ele estaria desonrando seus irmãos, porém, Balder explicaria que tudo seria parte de um plano maior. Os Fremenniks teriam muito mais proveito destas terras em calmaria do que em conflitos eternos, então, também explicaria sobre os outros inimigos de Kandarin e seus aliados, deixando as limpas a situação. Uma parte dos Jarls manteria-se duvidosos, porém, em sua totalidade aceitariam em sessar os ataques.

Então, Balder partiria para a Ilha de Mann e deixaria um de seus irmãos-de-escudo como seu representante ali, pelo nome e título de Thane Rolf Andersdotter, que seria um dos mais bravos e sábios guerreiros de sua companhia.

Voltando a Piscatoris, Balder reuniria todos os saques, tando de Piscatoris quando da Batalha.

Saques:

100.000 moedas de ouro de Piscatoris
12.500 moedas de ouro da Batalha da Queda das Feras

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2464
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   Qui Jan 05, 2017 6:52 pm

Após a Batalha por Ardonha, enquanto o Jarl Balder ainda navegava para Rellekka, rápidos cavaleiros seriam enviados a Piscatoris comunicar da derrota. Com essa informação, eles reuniriam o máximo de guerreiros Fremenniks e civis que não desejavam ficar na província, por medo de perseguição, estes liderados por um Herói de Rellekka, procurariam os Sacros Vigilantes de Armadyl para os protegerem em uma fuga pelo mar. Os Sacros Vigilantes, em um impasse, acabariam ajudando os Fremenniks a fugir pelo mar, utilizando tanto o porto dos Vigilantes em seu capitulo, quanto o de Piscatoris. Após eles fugirem, o Lorde Vigilante do Capitulo se entregaria para a corte Kandariniana e esperaria por julgamento, indo para Ardonha por conta própria para isso, aonde o Alto Vigilante Karl Franz seria o seu defensor.

Voltando a Rellekka, o Jarl Balder convocaria uma Grande Reunião dos Heróis, que seria uma reunião de Jarls e Heróis Fremenniks no Grande Salão de Rellekka. Na Reunião, Balder permaneceria sempre com uma expressão de seriedade e frieza.

Na reunião, Balder discutiria, ofenderia e gritaria para os Jarls e Heróis que teriam apoiado o cerco a Ardonha, ele gritaria ofensas pesadas e os acusaria de traírem os princípios de V, matando inocentes e levando milhares de pessoas a uma morte que não mereciam. Os apoiadores do ataque gritariam de volta que Balder que teria iniciado tudo e que ele seria hipócrita ao acusar os seus verdadeiros irmãos, Balder mostraria que ele não pretendia continuar aqueles conflitos e desejava levar os Fremenniks a um posto de respeito e não apenas medo, fazendo-os ter relações com os sulistas. Muitos ririam de Balder e então, todos os heróis sobreviventes da batalha, relatariam os horrores que teriam passado naquele conflito e o quanto Balder teria razão. Muitos dos apoiadores do conflito se calariam ou apoiariam Balder, e os que não fariam, Balder os intimaria um a um a duelos, dizendo que aquela decisão de matar tantos inocentes era covarde, sem honra e, principalmente, contra tudo que Vasador teria ensinado aos Fremenniks, sobre proteger os incapazes e viver como um símbolo de heroísmo.

Um a um Balder derrotaria e executaria os que ele teria intimado a duelos, contando com os Jarls de Rellekka e Éssim entre eles, ganhando o poder dessas duas regiões no processo. Balder então intimaria os Fremenniks a combater os verdadeiros inimigos do seu povo, que não eram os Kandarinianos e sim as bestas que viviam no mar. Porém antes de lutarem a verdadeira guerra de seu povo, os Fremenniks precisariam se unir.

Em uma segunda reunião, Balder fundaria a "Confederação Fremennik", unificando o seu povo e se tornando o Jarl com mais poder entre os Fremenniks e também o líder da Confederação, porém, agindo sempre com consenso de seus irmãos e irmãs. Os meses seguintes Balder focaria em fortificar as províncias ao sul e enviar tropas para protege-las, ele também procuraria aprimorar a infraestrutura e industria Fremennik através de tratados com companhias neutras aos conflitos. Balder enviaria um emissário a Ikovia, um a Keldagrim e um a Chernigov.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Irmãos de Escudo   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Irmãos de Escudo
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Quantos são os Cavaleiros de prata?
» Armadura de Athena 1:1
» [Discussão] - Evoluindo o FH
» Telecinese
» Aerocinese.

Permissão deste fórum:Você pode responder aos tópicos neste fórum
Reinos de Guilenor :: Saga 1 - Guilenor :: Interpretações-
Novo Tópico   Responder ao tópicoIr para: