RPG no universo de Guilenor
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Novo Tópico   Responder ao tópicoCompartilhe | 
 

 Doce Vingança

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Doce Vingança   Qui Maio 12, 2016 2:27 am

Já faria meses desde que Simon receberia um trabalho, seus cofres estariam praticamente vazios e ele já saborearia as últimas garrafas de vinho. Mesmo nessa situação, ele se manteria calmo e estudando seus livros, quando de forma repentina, demônios chegariam e contatariam Simon, ele teria sido reconhecido e convocado pelo General Demoníaco Azth'Rakar e este desejava os serviços de Simon.

Na área da construção da Cidadela Ardente, Simon teria uma reunião rápida com Azth'Rakar e receberia dele a missão de assassinar e trazer a cabeça dos três líderes Saradoministas dos maiores Bandos Saradoministas que existem nas Terras Selvagens, com isso, Simon partiria para sua missão.

Mozgul o Degenerado, Frederick o Carrasco e o Pontífice Sulyvahn. Esses seriam os alvos, começando pelo degenerado. Mozgul lideraria o menor bando dos três maiores e seria o mais fácil de se aproximar, Simon fingiria ser um pobre coitado e ferido e conseguiria se infiltrar na tenda do líder Mozgul, atacando-o e combatendo-o, Mozgul se mostrando ser um Icyene deformado durante o combate.

Com a cabeça do primeiro, ele partiria para O Carrasco, que lideraria o bando do meio e o que torturaria "hereges" na Terra Selvagem. Simon se infiltraria no acampamento do Carrasco com facilidade e então libertaria os prisoneiros, jogando o acampamento em uma batalha caótica e interna, enquanto ele, combateria com extrema dificuldade o Carrasco. Após derrota-lo, um demônio já moribundo relataria a Simon que a obra da Cidadela estaria sobre ataque do último líder, que seria um Icyene.

Com a cabeça dos outros dois líderes, Simon partiria a Cidadela. Lá, ele atacaria a divisão do Icyene diretamente jogando um pilar contra eles e derrubando-os, então, enfrentando o Icyene e derrotando-o de forma épica. Com a cabeça dos três líderes, Simon se reuniria com Azth'Rakar.

Azth'Rakar recompensaria Simon de ótima forma e faria um convite para ele participar da Legião Ardente, porém Simon não aceitaria e voltaria para seu forte com suas recompensas, tantos os saques nos acampamentos saradoministas quanto um baú de ouro.

No forte, Simon encontraria quase todos os prisoneiros que ele teria libertado nos portões. O meio-vampiro não diria nada a aqueles homens e mulheres, e eles, não diriam nada a Simon, apenas se instalariam nas ruínas nos arredores do forte e começariam a servir o homem, sem nenhuma palavra.

Recompensas:

5.000 Moedas de Ouro em Saques
15.000 Moedas de Ouro Recompensa
500 Servos

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Qui Maio 12, 2016 12:17 pm

Em algumas semanas, após dos ex-prisoneiros assentados e estabelecidos em volta do Forte, eles escolheriam entre si um líder para representa-los. Com este escolhido, ele teria uma reunião com Simon no salão principal do Forte.

Lá, o Líder diria que seria uma Espada Juramentada no passado e então, agora salvo pelo homem encapuzado, juraria lealdade a este junto de seus irmãos e irmãs, naquele momento, Simon questionaria o homem e mostraria sua verdadeira identidade como uma "fera", porém, o homem não se importaria. O meio-vampiro então aceitaria o juramento e diria que precisaria de espadas juramentas, porém, ele desejava que o líder dos prisoneiros fosse seu conselheiro pessoal e líder dos homens armados.

Após a reunião, Simon enviaria alguns dos ex-prisoneiros até Misthalin, aonde eles comprariam armamentos e materiais, para armar os 200 homens e reformar o caís de pesca que teria atrás do forte, usando-o para alimentar as 300 pessoas, enquanto o restante do material, seria utilizado para construir e reformas as antigas casas em volta do forte.

Gastos:

-15.000 moedas de ouro.

Ganhos:

2 Batalhões de "Druzhina" Treinados (Infantaria de Linha)
2 Batalhões de "Dvor" Treinados (Arqueiros de Batalha)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Qui Maio 12, 2016 3:43 pm

Com os Necromantes do seu "projeto" estabelecidos no Forte Longreach e os seus servos estabelecidos em volta do mesmo, Simon se reuniria com Vladmir, o Oficial encarregado dos seus Homens Armados. Após a reunião, Simon decidiria saquear os acampamentos com mais aprofundamento, e também, espalhar as histórias dos feitos de Simon pela região aonde ficaria o Forte.

Recompensas:

40.000 moedas de ouro,
1 Batalhão de Selvagens Armados, convertidos para "Druzhina".

_________________


Última edição por Angelloh em Dom Maio 22, 2016 2:57 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sab Maio 14, 2016 9:32 pm

Após a forma esplendida que teria eliminado um oficial de alto escalão dos Kinshras, Simon convocaria uma reunião com os Líderes Selvagens em uma clareira próxima.

A reunião duraria algumas poucas horas, os líderes não demonstrando muita fé em Simon inicialmente, porém após algumas lembranças e discursos, ele convenceria quatro dos cinco líderes, um deles apontaria sua arma a Simon e um dos líderes, o mais forte e mais influente, mataria este, então, os quatro jurariam lealdade a Simon.

Com um território relativamente grande, Simon reuniria os líderes no Forte Longreach e teria uma longa reunião com eles. Nesta reunião seria tratado que a região controlada seria colocada sob um novo tipo de governo, baseado em crenças locais dos Selvagens e politicas de governo sugeridas por Simon, então, a região de Longreach seria chamada "Chernigov" e as regiões sob a bandeira de Chernigov seriam chamadas de "Voivodina de Chernigov".

Simon mudaria o seu nome para o que os Selvagens o chamariam, que seria Berislav, significando "aquele que toma ou une" e "glorioso". O seu titulo e nome sendo Volvh Berislav.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Dom Maio 22, 2016 4:41 pm

Procurando pela fonte do verdadeiro poder capaz de mudar o mundo, o conhecimento, Volvh Berislav reuniria uma pequena companhia de 20 Boyars e partiriam em marcha forçada até o Acampamento dos Místicos. Lá, ele teria uma conversa calma e esclarecedora com O Místico.

No final da discussão, O Místico reuniria seus guarda-costas e viajaria de volta com Berislav até Chernigov, aonde passaria uma semana em reuniões secretas com o meio-vampiro. Berislav ensinaria a ele sobre as artes profanas vampíricas e também sobre os corpos das feras que assolam o Culto dos Místicos, em retorno, o Místico ensinaria a Berislav sobre o Plano Espiritual e sobre os Espíritos que vivem nestas terras.

Berislav guiaria de volta o Místico até seu acampamento e deixaria alguns batedores e mensageiros no local, para manter contato e Chernigov informada. De volta ao Forte, o Volvh se reuniria com os Líderes Tribais e o seu Comandante, discutindo sobre parte do que teria aprendido e sobre o que ele acreditava sobre o Plano Espiritual.

No final das discussões, o Volvh começaria a planejar e arquitetar a criação de uma Ordem, porém antes disso, ele precisaria estabelecer certas coisas na Voivodina.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Seg Maio 23, 2016 11:23 pm

Os Selvagens teriam respeito pelo seu Volvh, um homem que teria conhecimento, inteligência e sagacidade para também criar respeito por entre os Líderes Selvagens, nas várias reuniões e festejos que teriam em Chernigov e arredores.

Volvh Berislav, em uma reunião mais "oficial", explicaria aos Líderes que eles precisariam de maior organização e leis mais bem estabelecidas, seria a forma mais eficiente de guia-los a glória e Chernigov a prosperidade. Sendo inflados pelos discursos de Berislav e também dos apoiadores do mesmo, os Líderes aceitariam tudo de braços abertos.

As leis seriam relativamente simples inicialmente, tendo os seguintes pontos com enfase:


  • A união trás a força para Chernigov, todos os homens e mulheres desta nação serão unidos por laços de sangue, honra e trabalho. Todos que agem contra Chernigov agem contra cada individuo sob sua bandeira individualmente, sendo assim, serão punidos com ardor para nunca mais cometerem os mesmos erros. Ladrões terão suas mãos decepadas, estupradores terão seus órgãos genitais mutilados, traidores serão torturados e mortos em praça pública para servir como exemplo a outros que pensem em tomar tal ação. Chernigov é seu povo e seu povo é Chernigov.
  • Liberdade é algo alcançado através do trabalho árduo, assim como os direitos de cada individuo sob o machado e a foice. Todos que tem sua liberdade deve ter tal respeitada, sendo assim, escravos não são permitidos em Chernigov. Os filhos de Chernigov devem ter as ferramentas para alcançarem sua glória, independente da onde vieram ou como nasceram.
  • O verdadeiro poder de Chernigov é o seu povo. O Volvh e os Líderes Selvagens são parte do povo e servem a ele, assim como, o povo serve ao Volvh e aos Líderes Selvagens, e ambos, servem ao bem comum de Chernigov.
  • O povo é o sangue e a carne de Chernigov, se ela é ameaçada, todos devem erguer-se para defende-la. É lei nesta nação que em seus centros de ensinamento, seja através de anciões ou dos nobres, ensinem a arte da luta e da guerra. Todo devem ser capazes de defender suas vidas, dos seus companheiros e de seus compatriotas.


Após isso estabelecido, o brasão de Chernigov seria o Machado e a Foice cruzados, representando a força, trabalho e poder dos homens e mulheres de Chernigov. Com isso estabelecido, Volvh Berislav enviaria uma carta de anunciamento do estabelecimento da nação nas Terras Selvagens para o Rei Roald de Misthalin e também faria uma, muito embelezada e bem escrita, convocação a uma reunião.

Com o mensageiro enviado, Volvh Berislav fundaria próximo aos Rios de Lava em Chernigov a Ordem dos Cavaleiros da Morte. Eles seriam homens e mulheres patriotas e escolhidos a dedo para servirem em um objetivo que iria além da compreensão dos comuns: Eliminar os espíritos presos neste plano nas Terras Selvagem. O objetivo seria fortalecer a "barreira" entre o plano comum com o plano espiritual, principalmente nas Terras Selvagens, aonde ele estaria bastante enfraquecido. O foco da ação desta ordem seria nas regiões de Chernigov e arredores. Os juramentos da Ordem seriam nunca abandona-la, se tentarem, serão caçados e mortos, uma vez Cavaleiro da Morte para sempre Cavaleiro da Morte. Eles também tem um processo profundo de tortura física e mental ao jurarem seus votos, para esquecerem seus passados e acreditarem apenas no que os seus superiores irão dizer. Essas torturas são secretas e de forma pública é dito que o sacrifício para adentrar na ordem é absoluto, pelo bem de Chernigov.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sex Jun 10, 2016 9:46 pm

Notando a necessidade de Chernigov crescer para poder sustentar poder contra seus inimigos, Volvh Berislav convocaria uma reunião com os líderes das três tribos ao norte de seu território. Eles se reuniriam na fronteira de Chernigov com as duas tribos que fariam fronteira ao norte. Durante as discussões, os líderes deixariam claro que precisariam de provas de feitos em batalha para se juntarem a nação, sendo assim, Berislav prometeria a cabeça da Tribo Istrebiteli.

Volvh Berislav reuniria as Forças Armadas dos Líderes Tribais de Chernigov, Metisy e Mertvyy e marcharia para a fronteira entre a Tribo Skrytyy e a Tribo Istrebiteli, na região, teria uma aldeia da primeira tribo aonde o Volvh ordenaria que fugissem para aldeia central da tribo, buscando proteção. Seria uma tentativa de trazer os Istrebiteli para a região, porém seria falha.
Chernigov então marcharia até a aldeia dos Istrebiteli e tentaria uma aproximação cautelosa, falhando também, então, começando uma batalha campal. As Forças Chernigovianas venceriam de forma avassaladora, graças aos seus números e táticas, perdendo apenas 600 homens em batalha. Os sobreviventes seriam executados no campo de batalha, e as mulheres, crianças e velhos da aldeia levantariam armas contra Chernigov recusando se entregarem, seriam dizimados, sem sobreviventes. Seus corpos seriam queimados e suas casas saqueadas, porém, deixaria-se a aldeia intacta.

Com as tropas de volta as suas Tribos, Volvh Berislav se reuniria novamente com os líderes do norte e eles assinariam o tratado para unir-se a Chernigov, com sangue e honra em palavra. A região dos Istrebiteli seriam entregues a Legião Ardente através de uma carta, que relataria os tribais do local atacando Chernigov e sua população tentando habitar a região de seu vizinho, porém, tantos os exércitos quanto os habitantes sendo dizimados. Para as Tribos de Chernigov, seria relatado que aquela região seria insustentável em uma guerra com a Legião e seria preferível deixa-la a apodrecer.

Saques: 20.000g

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Dom Jun 12, 2016 3:54 am

Com uma quantia em ouro abrangente reunido nos cofres individuais de cada tribo, Volvh Berislav faria uma convocação de reunião nos salões de Chernigov. Nesta reunião, ele relataria a necessidade de fortificar as tribos, porém, seria desnecessariamente cara no momento fortificar cada uma delas com paliçadas, quando, poderia-se investir o ouro em tornar Chernigov em uma Fortaleza de pedra, e se Chernigov tivesse a necessidade de entrar em uma defensiva, recuaria seu povo para esta grande fortaleza.

Convencidos e decididos, os Líderes abririam seus cofres junto de Berislav para construir muros, torres e reformar o forte a sua total capacidade, tornando-o em uma grande fortaleza.

Gastos: 465.000 moedas de ouro

Forte nível 3 - 5
Muralha nível 0 - 4
Torres nível 0 - 4

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Qui Jun 30, 2016 3:53 am

Após ter seu braço direito amputado sobrevivendo aos eventos do "Santuário", Jean reuniria uma guarda de Cavaleiros Negros e partiria para a região aonde estaria sendo construída a Torre dos Necromantes em Chernigov. Lá, os dois teriam uma reunião privada aonde Simon ofereceria uma segunda oferta irrecusável a Jean e também cobraria a sua espada, que Jean, teria perdido. Durante as conversas, um dos soldados Chernigovianos informaria que finalmente um Emissário de Misthalin chegaria a fronteira sul de Chernigov.

Jean, Simon e a guarda de ambos então cavalgariam as pressas até essa fronteira. No Grande Salão do Líder Tribal de Dlinyy, Simon, Dalinor e Jean se reuniriam em uma reunião tensa, porém, amigável entre Simon e Dalinor. Na reunião se decidiria o envolvimento de Chernigov no quesito Asgarnia e também a opinião do Volvh sobre o Conselho do tal Reino, o Volvh claramente mostrando a mesma e a sua grande "amizade" por Jean-Charles.

Dalinor acabaria por aceitar os termos de Simon, assim como Jean, e partiria de volta para Misthalin carregando um amuleto de dragolito encantado, como presente de Simon, e um pacto de não-agressão e aliança comercial entre Misthalin e Chernigov. Simon e Jean partiriam para Chernigov em si, para pesquisar com os ferreiros uma prótese e também os projetos de Simon com a "orbe".

O Arquimago Dalinor ao chegar em Varrock e ter tempo livre, reuniria alguns magos "íntimos" para estudar o encantamento que se encontrava no amuleto, conseguindo então, abrir sua barreira e descobrir que se tratava de uma forma de comunicação.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sex Jul 01, 2016 7:47 am

Fabius Maximus, o ex-Centurião ex-vivo do Império Zarosiano estaria ao lado do Volvh Berislav. Não como soldado ou relacionado, apenas como visitante, tendo sua curiosidade saciada pelo meio-vampiro com tanta informação.

Nesse processo de estadia que já se passaria a meses, Simon estudaria a Pedra Negra que conteria a alma de Fabius e seus 50 Irmãos-em-Armas, em seguida, levaria ela consigo e, com cuidados de Fabius, estudaria junto do seu conhecimento acumulado através dos anos, das ruínas zarosianas na Terra Selvagem, conhecimento dos Magos Descrentes da Arena dos Magos, dos Necromantes e dos Videntes.

Ele começaria um longo processo de estudos e analises para poder, quando a sua "torre" for construída, começar a criar uma cópia com finalidades similares.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sex Jul 01, 2016 8:38 pm

A espada dada por Simon a Jean teria sido largada nas minas aonde o Cavaleiro Negro e seus companheiros teriam sofrido o atentado. Antes da espada ter sido largada, ela teria emitido seu último sinal e Simon marcando-o em um mapa para não esquecer.

Após refletir sobre os eventos ocorridos e relacionar diversos pontos de vista que ele discutiria com alguns necromantes próximos e Fabius, Simon enviaria um Cavaleiro da Morte para lá. Ele conjuraria magias necromânticas em alguns esqueletos, formando um pequeno monólito na entrada das cavernas, um mago ou necromante experiente poderia se aproximar e ler "Chernigov deseja conversar" no monólito, através de ondas magicas.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Dom Jul 03, 2016 6:59 am

Respondendo ao monólito em seu covil, Aesur iria sozinho até a Fortaleza de Chernigov. Sendo recebido e levado diretamente ao Volvh Berislav em sua biblioteca no castelo, lá, eles teriam uma conversa amigável e tranquila.

Discutiriam assuntos relacionados com o conhecimento e poder de ambos, o envolvimento de Aesur em Asgarnia, o quando Jean-Charles Benett seria o "Rei perfeito" para ambos e também, que este, não guardaria ressentimentos do necromante responsável por sua quase morte. No fim, eles fariam uma aliança de interesses e Aesur passaria o restante do dia e a noite em Chernigov, aproveitando, para ir observar o fim da obra da Torre dos Necromantes. Antes de sua partida, Berislav presentearia Aesur com uma pequena gema de dragolito encantada, para poderem se comunicar quando necessário.

Alguns dias após a partida de Aesur, as obras da agora chamada Torre Negra de Nekromantiya seriam finalizadas. A enorme Torre conteria tudo necessário para Magos, Feiticeiros, Bruxos e outros usuários de magia estudarem e fazerem suas pesquisas sem problemas morais com, principalmente, magias ocultas. A Torre teria o tamanho suficiente para ser vista da fronteira de Misthalin, com grandes muralhas negras em sua volta, um Forte próximo a sua torre aonde agora vive o Líder Tribal da região (Mertvy) e enormes fossos com diversas entradas para o subsolo dentro da área da muralha, estes fossos seriam usados para mineração, criação de enormes sessões de fornalhas, para áreas de teste das magias pesquisadas na torre e também o local do Quartel General da Ordem dos Cavaleiros da Morte.



Gastos:

500.000 moedas de ouro

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Dom Set 25, 2016 9:36 am

Já a anos estudando o poder da morte e da vida, das almas e do que acontecia com as mesmas após saírem de seus corpos. Com a sabedoria acumulada durante os anos, Simon conseguiria criar uma Pedra das Almas similar a que continha a alma da Legião Morta-viva que o acompanhava.

Testando as capacidades dessa pedra com uma série de "candidatos", Simon conseguiria o resultado que desejaria, então, em um longo ritual, ele prenderia sua alma a essa pedra.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sex Out 14, 2016 7:30 pm

Com os seus filhos já nascidos e sendo cuidados por homens e mulheres de confiança na Torre Negra de Nekromantyia, junto de Nadja, chegaria uma noticia infortuna.

O Volvh Berislav teria sido morto em combate durante uma missão conjunta com o seu aliado, Aesur. O "corpo" de Berislav seria queimado em uma enorme pira em uma colina do lado de fora da Fortaleza de Chernigov, lá também, seria construída uma grande estatua em sua homenagem. Com a posição assegurada pelos seus feitos em sobreviver a Legião, como esposa de Berislav e por ter seus filhos, ninguém duvidaria que Nadja se tornaria a próxima Volvh, e seria o que aconteceria.

Publicamente Berislav e Simon teriam sido mortos, porém, o segundo não foi. Tendo cremado o corpo de um indigente e ocultado a sua sobrevivência para pouquíssimos de confiança, Simon tomaria a identidade de um poderoso necromante que seria escolhido ao posto de Arqui-Necromante por Berislav antes de sua morte, causo algo acontecesse com o mesmo.

Modificando sua armadura com os anões de Longomuro e adotando vestimentas mais ritualísticas e uma máscara de metal para ocultar seu rosto, ele criaria uma fama de que sua face seria deformada e ele usaria a máscara para evitar "acidentes". No tempo vago, ele transformaria o Culto que veneraria Berislav em mais influente e forte, fazendo-os criar novos objetivos.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sab Out 22, 2016 12:55 am

Agora despreocupado com a administração e liderança de Chernigov, O Arqui-Necromante reuniria uma grande companhia de Cavaleiros da Morte e partiria a Kalaboss. Lá ele subornaria alguns Fremenniks para que a opinião dos mesmos ficasse ainda melhor sobre Chernigov.

Com isso e com um ótimo suporte com rota de mantimentos, O Arqui-Necromante adentraria as ruínas de Kalaboss com sua companhia, procurando fazer contato com as criaturas, experimentos com objetos diferentes e explorar tudo lá.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sab Dez 10, 2016 3:30 am

Nomeando sua comitiva em Kalaboss de "Cavaleiros das Profundezas", o Arqui-Necromante levantaria acampamento ainda na metade dos andares congelados, para poder resolver uma série de assuntos em Chernigov.

Voltando a Torre Negra de Nekromantyia, o Arqui-Necromante junto dos Mestres Necromantes da Torre se reuniriam na Cúpula Ritualística, inicialmente com a intenção de discutir assuntos administrativos e de pesquisas, porém o Arqui-Necromante apresentaria e manipularia a todos sobre seus futuros objetivos para Nekromantyia e além. Os Mestres, sedentos por poder e conhecimento, aceitariam todas as propostas discutidas e apresentadas.

A primeira delas seria uma declaração pública, aonde a Torre Negra de Nekromantyia decretaria que a Ordem dos Cavaleiros da Morte faria parte apenas de Nekromantyia, deixando de ser uma Ordem governamental como era até então. As portas da ordem seria abertas para qualquer um entrar, desde homens a mulheres e de humanos a elfos, sem restrições de raça ou gênero, porém, nenhum Cavaleiro da Morte poderia ter religião, e se tivesse, não poderia propaga-la ou carregar objetos relacionados a mesma, a não ser que seja para pesquisas. Não teria diferenças entre nobres e comuns, todos ao entrar seriam Iniciáticos e seus pertences e posses seriam doados a ordem.
Com Chernigov ocupando toda as Terras Selvagens, os Cavaleiros da Morte continuariam seus serviços para eliminar as almas perdidas pelas terras para fortalecer o véu entre este plano e o espiritual, porém o Arqui-Necromante colocaria novos objetivos para a ordem: Combater criaturas profanas, espalhar a "Doutrina Chernigoviana" e acumular conhecimento.

A "Doutrina Chernigoviana" seria uma variação da Doutrina Descrente, a única mudança é que não focaria na eliminação dos deuses e suas crenças, mas sim em tornar os mortais auto-suficientes e sem a necessidade de nenhuma religião e mostrar aos mortais a "verdade" sobre os deuses.

Os Cavaleiros da Morte teriam uma fama não muito "boa" com a maior parte dos líderes fora de Chernigov, pois um Cavaleiro da Morte poderia tomar QUALQUER ação para chegar em seus objetivos, tendo em mente que os planos e objetivos da Ordem são superiores a qualquer situação. Necromância, torturas, violação dos mortos, chacinas, roubo, emboscada, assassinatos, uso de magias proibidas estariam entre os feitos conhecidos que os Cavaleiros da Morte não se envergonhariam de fazer para chegar ao que desejavam.

O Arqui-Necromante abriria sua própria academia dentro dos muros de Nekromantyia, nomeando-a "Academia Lucis et Umbrae", aonde seriam treinados indivíduos principalmente para os Cavaleiros da Morte, porém não necessariamente. Seu principal foco de conhecimentos são formas de lidar com as artes profanas e sagradas, tanto quanto combater magias de luz quanto de sombras. Os Ensinamentos consistiriam em mostrar que mortais podem combater o profano com o profano e o sagrado com o sagrado, se for necessário. A Academia teria um estoque de conhecimento antigo muito profundo, com livros e artefatos do Império Zarosiano, que o antigo Volvh Berislav teria coletado, roubado e comprado durante sua vida.

No subsolo de Nekromantyia, junto as gigantescas forjas, minas e áreas de testes, o Arqui-Necromante fundaria as Oficinas Ocultas, uma sessão de cavernas aonde ficariam uma série de pequenas oficinas para criar armas de destruição em massa com base em conhecimento antigo e "esquecido", como também, mudanças e aprimoramentos destes.

Com essa série de mudanças, o Arqui-Necromante enviaria um projeto para a Czarina Nadja Habitch aonde pediria permissão para que a Ordem dos Cavaleiros da Morte abrissem Capítulos em metade das províncias de Chernigov, com o intuito de melhorar a eficiência dos Cavaleiros em erradicar o maior problema de Chernigov: As bestas.

Após isso, o Arqui-Necromante reuniria uma comitiva de duzentos Cavaleiros da Morte e se prepararia para uma longa viagem, iniciando por Asgarnia, indo para Misthalin, Império Menaphita, Ikovia, Kandarin, Ekhaya, Reinos Fremenniks, Império de Wushanko e então retornando para Chernigov.

Gastos:

Oficina = 300.000 moedas de ouro
Academia nível 5 = 155.000 moedas de ouro

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Ter Dez 27, 2016 7:23 pm

Após a comitiva do Arqui-Necromante sair de Chernigov, o próprio enviaria mensageiros para cada um dos Líderes que ele visitaria, marcando datas para os encontros. A comitiva desapareceria após cruzar as fronteiras de Asgarnia, por preferível tomar caminhos por florestas e geralmente viajar a noite, para enganar e atrapalhar patrulhas e postos avançados.

Ao chegarem em Faladore, adiantados do dia marcado, o Arqui-Necromante se reuniria com o Rei Henri e seu conselho. O conselho parecia não compreender as motivações e a urgência que Asgarnia precisaria da Ordem dos Cavaleiros da Morte, praticamente todos dizendo que ou não seriam úteis ou duvidavam das capacidades dos mesmos. Com Henri dando a tarefa para o Arqui-Necromante descobrir mais sobre o individuo das sombras que teria no passado atacado Asgarnia, o Arqui-Necromante apresentaria tudo que já saberia sobre ele e também as capacidades e alguns feitos da Ordem até então. Henri seria o único a mostrar algum interesse na ordem, declarando que eles começariam uma caçada a Aesur com as Ordens de Asgarnia unidas: Cavaleiros da Morte, Cavaleiros Brancos, Cavaleiros Negros e Cavaleiros do Templo.

Após a reunião, o Arqui-Necromante entregaria a missão para um oficial da Ordem, este começando a instalação da ordem em um capitulo em Asgarnia. Enquanto viajavam para Misthalin, o Arqui-Necromante contataria Aesur através da Orbe das Sombras, marcando com o mesmo uma reunião urgente.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Ter Dez 27, 2016 7:45 pm

Com a entrega de um edifício em ruínas para o capitulo Avranches, os Cavaleiros da Morte contratariam construtores e reformariam o edifício, fortificando-o e criando uma série de salas no subsolo. Após a instalação do capitulo, o brasão da Ordem seria posto em estandartes do lado de fora do edifico. também seriam instaladas barreiras mágicas e diversas áreas com encantamentos do período do Império Zarosiano para bloqueio de passagem do plano das sombras ou para o plano das sombras.

Nas salas no subsolo do Capitulo, seriam instaladas as salas de pesquisa, testes e criação do "armamento" da ordem. Seria mantido tudo ao máximo sigilo e com poderosos encantamentos para que, ninguém além dos escolhidos a dedo, pudessem entrar.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Sab Fev 25, 2017 3:41 pm

Nas Oficinas da Torre Negra de Nekromantyia seriam desenvolvidas armas mágicas de cerco que concentrariam energias mágicas em uma grande orbe em seu centro, disparando-a através de uma série de lentes encantadas. A arma poderia disparar vários tipos diferentes de magia, sendo suas orbes encantadas com determinados elementos e fornecendo um amplo arsenal.

Seriam construídas vinte dessas armas e enviadas para Mardum, de forma escondida e ocultada pelos Cavaleiros da Morte e seu amplo acesso em Chernigov. O Arqui-Necromante iria junto desse armamento para a Cidade-Estado, aonde passaria as semanas seguintes "trabalhando" com Alextraszor.


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Seg Maio 01, 2017 9:24 am

No Templo da Ordem do Senhor da Luz, ao norte de Faladore na fronteira com o território Kinshra nas Terras Selvagens, dois homens em manto negro se aproximariam dos seus portões, um sendo Sebastian Strider e o outro sendo o Arqui-Necromante, o seguindo, parecendo muito doente e/ou ferido.

Eles se reuniriam com Sor Amik Varze durante uma relativa longa reunião, porém o Arqui-Necromante diria que estaria se sentindo muito mal e sairia no meio dela e se teleportando de volta para Nekromantyia, deixando Sebastian conversando com Amik. No final da reunião enquanto Sebastian implorava pela ajuda de Amik em acabar com a ameaça de Chernigov, Wushanko e a Moritânia que tramavam em acabar com a fé Saradominista, ele se mostraria extremamente doente com vômitos de sangue e relacionados. Quando Amik daria uma brecha e concordaria em ajudar Sebastian, ele entraria em um estado de fúria extremamente fatal, em menos de dois minutos voando sobre os guardas de Amik e partindo-os em pedaços, então, saltando um estranho gás pelos poros de seu corpo que se espalhariam pelos corredores, imediatamente, travaria um combate com Amik.

Sebastian é um guerreiro feroz e derrotaria Amik, quando o cavaleiro voltaria a vida graças as "bençãos de seu novo senhor", Sebastian o derrotaria novamente. Com Amik partido em pedaços e quase irreconhecível, Sebastian-Abominação (última interpretativa do Arqui-Necromante) criaria diversos zumbis entre os sacerdotes, cavaleiros e civis no Templo, iniciando um massacre. Poucos fugiriam do Templo enquanto ele seria queimado e centenas de seus compatriotas seriam mortos e/ou devorados.

Naquela manhã, após a madrugada de terror, a fumaça seria visível de Faladore da distância, ao mesmo tempo que, os sobreviventes chegariam a Corte do Rei Henri, dizendo que Chernigovianos e Cavaleiros Negros teriam espalhados criaturas das trevas para matar os servos do Senhor da Luz. Henri estaria completamente espantado e imediatamente ordenaria que prendessem o seu conselheiro militar Kinshra e declararia que todos os Cavaleiros Negros deveriam ser levados a custódia e, imediatamente, enviaria um emissário para Chernigov visando ter uma reunião com a Czarina na fronteira.

Os Cavaleiros Brancos estariam esperando isso por muito tempo, imediatamente agindo com ferocidade por já terem planejado a ação contra os Kinshras milhares de vezes. A ação deles seria precisa e letal, levando muitos civis e sacerdotes de Zamorak a morte no processo, isso acabaria estourando diversos conflitos entre Cavaleiros Brancos, civis e Cavaleiros Negros, as ruas de aldeias do interior de Asgarnia e becos de cidades grandes seria manchado em sangue Asgarniano.

Em Nekromantyia, Refinatas por ter perdido um de seus mais valiosos servos apareceria para o Arqui-Necromante, e em um encontro lendário nos céus da Torre, eles firmariam um pacto. Arqui-Necromante revelaria a todos os presentes que olhariam do chão que seria Simon Mercer e que aquele dia seria o inicio da libertação dos fortes da opressão dos fracos.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Qui Maio 04, 2017 6:19 pm

Após os últimos eventos na Moritânia, Simon se reuniria com os Gnomos Negros em Arposandra, contratando alguns deles para um trabalho bastante especifico, fazendo promessas também bastante especificas.

Em seguida, comunicaria a Czarina Nadja e o General da Frota Imperial da operação que ele estaria por fazer na Moritânia e que precisaria do "apoio" dos mesmos.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Dom Maio 07, 2017 3:22 pm

Com recompensa pelas ações muito bem sucedidas de Simon, o Imperador Vlad Drakash recompensaria dando a ele o Castelo de Efaritay.
Com acesso ao Castelo, Simon imediatamente começaria a reforma-lo para novas funções como "Fortaleza Negra de Haeresis", parte da Torre Negra de Nekromantyia e teria funções diferentes da mesma. Por ficar na Moritânia e em uma região isolada, a função da Fortaleza seria como sede militar dos Cavaleiros da Morte e aonde os mesmos fariam experimentos mais "extremistas", principalmente com objetos religiosos para descobrir suas propriedades.

Os primeiros experimentos seriam feitos com os restos dos Icyenes no Cemitério Icyene, como também com todo armamento icyene e conhecimento que seria encontrado no Castelo.

Com a fundação da Fortaleza Negra de Haeresis e por ser, tecnicamente, separada da Torre Negra de Nekromantyia, Simon Mercer criaria a "Sociedade Sombria", diferente das outras sociedades, não teria nenhuma intenção de ser secreta. Seus membros teriam orgulho de mostrar serem parte da mesma e os seus objetivos seria, em conjunto, estudarem tudo aquilo que seria proibido e, por laços de interesse, alcançarem os objetivos que teriam em comum.
Além de nobres, burgueses, magos e outros de várias nações, a Sociedade Sombria enviaria convites para a Czarina Nadja Habitch, o Rei Bruxo Ur'Keth e o Imperador Vlad Drakash para formarem, junto do Arqui-Necromante Simon Mercer, "Os Quatro Sombrios", que seriam a liderança suprema da Sociedade.
"Somos os escolhidos, os fortes, os poderosos e os capazes. Somos os herdeiros do mundo por ousar conhecer o proibido e utilizarmos de qualquer método para a vitória, somos a Sociedade Sombria".


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mairon
Lord of The Shadows
Lord of The Shadows
avatar

Mensagens : 808
Data de inscrição : 08/05/2015
Idade : 18
Localização : Reino das Sombras

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Seg Maio 08, 2017 6:18 pm

Após o cercamento das fronteiras Asgarnianas, os problemas se agravam na Capital. Ur'Keth utiliza suas manifestações para disseminar a discórdia e a ganância nas diversas classes da capital; proletário, clero e burguesia. Enquanto isso, a besta tremenda (que se tornara-se Sebastian) invade o castelo com centenas de mortos-vivos, avançando até a superfície do castelo, matando todos no caminho, até alcançar o Salão do Trono, onde a besta mutante luta contra o Rei Henri Hothensen. Durante um tremendo caos, batalhas de milícias armadas, invasões de forças das Casas dominantes da Cidade Branca, um gigantesco buraco toma os céus de Faladore, liberando uma escuridão poderosa que acinzenta os tijolos brancos das construções da cidade. De dentro da fenda negra que tomara os céus, um enorme dragão negro de três cabeças surge, liberando rajadas destrutivas sobre o Castelo, levando o Salão do Trono e algumas torres à ruína. Após a destruição, o Arqui-Necromante desce do dragão sobre os escombros e arranca o corpo do Rei das ruínas do salão, descepando sua cabeça. Um figura sombria toma o lado do Arqui-Necromante e ambos começam a caçar sobreviventes no castelo, fazendo um verdadeiro massacre. Os restos de seus corpos são usados em um belíssimo monumento sangrento, formando o rosto de Sliske no que restara do pátio do Castelo, simbolizando o retorno de Aesur. Após a chacina e o caos na Cidade Branca, o Arqui-Necromante alça voo com seu dragão de volta para a fenda, levando o corpo de Sebastian consigo, e Aesur desaparece, fechando a fenda em seguida.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lucas
Fair King
Fair King
avatar

Mensagens : 2433
Data de inscrição : 15/09/2015
Idade : 22
Localização : No Sul

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   Seg Maio 08, 2017 11:37 pm

Pouco tempo após os eventos em Faladore, Reynald teria uma reunião com Simon aonde esse entregaria ao mago o Totem de Bandos da Grande Caçada, porém, modificado para servir outros propósitos, estes sendo, se deixado em um ambiente e dentro da área de efeito do totem ele irá botar ideias de agressividade e violência na mente de quem convive dentro daquele ambiente, com o tempo, levando-os a loucura e desejos sanguinários.

Reynald iria para Mann primeiro, tentando contratar Fremenniks para se infiltrar, porém, seus agentes não conseguiriam se infiltrar no Castelo de Ardonha. Em seguida, ele contrataria agentes Zamorakianos, fugindo completamente do plano de Simon e se infiltraria com tais e conseguiria deixar o totem no interior do castelo. Isso faria os Zamorakianos ficarem como laranjas na operação ao invés dos Fremenniks como Simon tinha requisitado, e enquanto Reynald esperava o tempo necessário para o totem ter seus efeitos, Simon apareceria para Reynald e o lembraria de suas tarefas.

Enfurecido, Reynald contrataria um fremennik para ser seu serviçal e agente, enquanto ele próprio, se disfarçaria de burguês. Eles conseguiriam se infiltraria na corte de Kandarin e passariam um dia inteiro influenciando a corte até conseguir efeitos, que seria fazer parte dos guardas saírem do local e então o agente tentaria assassinar Louis, porém, falharia miseravelmente e seria morto ali mesmo, jogando o Castelo em estado de alerta e mantendo todos na sala do trono enquanto o Rei seria lentamente guiado para fora dela. Nesse momento, Reynald estouraria magias de chamas demoníacas, matando quase todos na sala e deixando o Rei e sua guarda pessoal na beira da morte, enquanto os guardas seriam executados, Louis conseguiria fugir usando uma tabuleta de teleporte e em seguida, a sala seria selada magicamente.

Quando os Cavaleiros Carnilleans de Elite entrariam na sala em formação, protegido pelos Magos da Guilda dos Magos, eles travariam um curto combate com Reynald que causaria muitas baixas, porém logo ele seria "morto", ao morrer, ele seria movido para uma outra sala. Isso aconteceria graças a ligação necromântica E carnal que Reynald teria agora com Simon. Após aquele evento, Reynald ficaria preso em uma prisão mágica selada de contato externo que, lentamente, drenaria a magia de Reynald.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Doce Vingança   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Doce Vingança
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Doce Vingança
» Doce Fugitiva
» A Vingança || Atraso do capítulo de ontem
» Corujas Sem Asas || Episódio 1x08 - A Vingança de Mariana (P.1)
» Amor Doce - Algumas respostas do episódio 25 *-*

Permissão deste fórum:Você pode responder aos tópicos neste fórum
Reinos de Guilenor :: Saga 1 - Guilenor :: Interpretações-
Novo Tópico   Responder ao tópicoIr para: