RPG no universo de Guilenor
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Embaixadora Aenith Cadarn, Lady de Ardonha e Mestre das Línguas (Personagens Terciários - Angelloh)

Ir em baixo 
AutorMensagem
Fundador
Lorde
Lorde


Mensagens : 6078
Data de inscrição : 04/05/2015
Idade : 22
Localização : Rio Grande do Sul - BR

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Embaixadora Aenith Cadarn, Lady de Ardonha e Mestre das Línguas (Personagens Terciários - Angelloh)   Seg Maio 18, 2015 1:32 am

Informações Principais:

Nome: Aenith Cadarn.
Raça: Elfa.
Classe: Duelista.

Características:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Aparência: Uma mulher alta para os padrões humanos, mas não tão alto para os elfos. Cabelos platinados lisos, olhos claros, magra e com o corpo de uma jovem menina.
Personalidade: Uma menina alegre, seria a forma como as pessoas simplificariam a personalidade de Aenith. Alegre, otimista e carismática, tendo vários amigos a sua volta. Fazendo parte de sua personalidade também o fato de estar sempre a procura de ajudar alguém e tentar "fazer o certo", que as vezes, não é muito claro para ela. Quando em corte ou cercada por pessoas indesejadas, Aenith veste essa sua alegria como uma máscara, pois apesar de ser uma boa pessoa, também é boa com palavras.
Qualidades: Lealdade, Otimista e Amistosa.
Defeitos: Emotiva, Sádica e Humor Indelicado.
Idade: 69 anos.

Informações Gerais:

Trabalho/Ocupação: Embaixadora de Nova Kandarim e Representante Élfica no Exterior.
Residência: Uma mansão em Ardonha.
Vestes: Quando está em Prifddinas a trabalho, veste roupas luxuosas nobres, um longo vestido branco com detalhes dourados. Quando está na floresta passeando ou em algum outro trabalho, veste sua armadura.

Estatísticas:

Pontos Vitais: 500
Ataque: 580 (1360*)
C. a Distância: 500(800**)
Magia: 0
Defesa: 400 (920*)(740**)
Resistência: 400 (540)
Agilidade: 500 (875*)(1125**)
P. de Evocação: 0

Nível: 100

Bônus por Equipamento:

Lança*:

+135% de Ataque
+130% de Defesa
+35% de Resistência
+75% de Agilidade

Facas de Arremesso**:

+60% de Combate a Distância
+85% de Defesa
+35% de Resistência
+125% de Agilidade

Habilidades, Conhecimentos e Especialidades:

Especialidades:


1- Combate com Lanças,
2- Combate com Sabres Elficos,
3- Combate com Facas de Arremesso,
4- Combate com Adagas,
5- Combate em Armaduras Médias,
6- Combate com Venenos,
7- Combate Montado em Feras Terrestres,
8- Assassinatos,
9- Especialização de Guerreira Elfica.

Conhecimentos:


Foco Enorme/Principal:
- Persuasão e Diplomacia.
Focos Grandes:
- Geografia (Terras Elficas, Kandarin, Asgarnia, Misthalin e Karanja).
- Musicista (Alaudes principalmente).
Focos Médios:
- História (Terras Elficas, Kandarin e Terra Selvagem).
- Sobrevivência em Ambiantes Hostis.
- Religião. (Armadyleana, Saradominista e Serenita)
Focos Pequenos:
- Restante.
- Língua Padrão Guilenoriana.
- Língua Élfica.
- Língua Kharidiana.
- Língua Tribal de Karanja.
- Língua Gnomica.
- Língua Anã.
Conhecimentos Especiais:


Habilidades de Criação:


Culinária - Nível 38


Habilidades Especiais:

Combate:


Segundas Intenções(Ativa): Aenith geralmente tem duas intenções ao lidar com "pessoas indesejadas", tendo um sorriso no rosto mas planejando como elimina-la em sua mente. Em um rápido ataque, Aenith ataca com sua lança ou sabre o peito do inimigo, fazendo-o acreditar que este era seu alvo, porém, rapidamente investe contra a perna do mesmo, em uma poderosa perfuração. Na ativação, causa 100% do dano e reduz o dano e agilidade do inimigo em 50% por 3 turnos.
Passos de uma Dançarina(Passiva): Aenith é uma grande apreciadora de boa música, não apenas tocando-as, mas também dançando. Em combate, Aenith se mantém constantemente em movimento e não ficando parada, mantendo sempre em uma vantagem de principio de ataque, por o inimigo nunca saber quando ela vai atacar ou recuar. Aenith tem um bônus fixo de +40% em Agilidade.


Interpretativa:

Melodias Profundas: A música tocada por Aenith é profunda e marcante, como se atingisse na alma. Se Aenith cantar ou tocar algum instrumento antes de uma negociação, os membros de tal negociação ficarão sensíveis e mais fáceis de negociar e convencer, dando um dado extra em negociação.
Olhos não Mentem: Ao olhar nos olhos de um individuo durante as negociações ou conversas, Aenith estuda o comportamento dele e suas reações, com isso, notando as verdadeiras intenções e personalidade.
Língua Afiada:(Aprimorado) Aenith é convincente, ela geralmente consegue convencer as pessoas com certa facilidade. As chances de Aenith convencer são maiores, se conectado com um bom argumento ou discurso, essas chances são triplicadas.



História:

Primeira Parte da História:

Aenith filha de Ecthelion Cadarn e Elenwen, cresceu junto de seu pai e mãe nas florestas de Isafdar. Ecthelion era um grande guerreiro, reconhecido pelos elfos por ser corajoso e leal, servindo aos Cadarn em várias batalhas e disputas, enquanto sua mãe, servia como uma diplomata, embaixadora dos Cadarn. A pequena Aenith cresceu em um lar relativamente estável, apesar de seu pai estar sempre em viagens, Elenwen com sua harmonia e paciência conseguia fazer o papel de pai, ensinando a garotinha em tudo que ela iria precisar para sua vida e outras coisas que ela se interessava, como musica e religião.

Aenith focou seus estudos na arte da diplomacia e persuasão desde cedo, como sua mãe esperava, também estudando diversas outras coisas, como Geografia. No fim de seus estudos, Aenith recebe a terrível noticia que sua mãe foi assassinada misteriosamente e seu corpo encontrado nas florestas, na época, foi dito que foi assassinada por animais da floresta, mas Aenith sabia que não, pois aqueles eram ferimentos de flechas e lanças e não garras e dentes. Ecthelion ficou destruído com a morte de sua amada esposa e desapareceu, ninguém sabia para onde ele teria ido, a jovem elfa entrou em fúria e amaldiçoou seu pai, desejando-o a morte por ter a abandonado em um momento aonde ela tanto precisava dele, nisso, Aenith finalizou seus estudos e saiu do território elfico, começando uma longa viagem por Guilenor, atrás de conhecimento e conhecer novas pessoas.

Aenith passou anos na estrada, indo de cidade em cidade, reino em reino, fazendo amigos por todos os lugares e aprendendo todo tipo de excentricidade e ensinando seu companheiro de viagem a como arremessar armas. Seria então que ela decidiria voltar para sua casa, ela já teria 45 anos e estava pronta para enfrentar os problemas novamente, sem fugir desta vez igual ao seu pai, então, ela usou seu pequeno cristal élfico que carregava consigo para voltar para sua casa. Ela seria recebido de braços abertos por seus antigos amigos e parentes, algo que não era esperado até pela otimista Aenith. Assim que começaria a compartilhar tudo que teria aprendido em suas viagens, em pouco tempo seria nomeada Embaixadora dos Cadarn e receberia o cargo de usar esse conhecimento em relação ao crescente poder dos humanos, pois a solidão e isolação dos elfos com certeza não duraria para sempre.

A então uma jovem elfa estaria estável novamente, até encontrar em sua casa, a mesma antiga cabana de seus pais, porém reconstruída, uma carta assinada por um "Elvhen", essa carta falaria do que teria resultado o seu pai em sua isolação do restante dos elfos e aonde poderia procura-lo.

Segunda Parte da História:

Com o tempo ao lado de seu irmão, Aenith acabou por ser aceita na corte do Reino de Nova Kandarim, ganhando titulo de Nobreza e o cargo de Embaixadora do Reino, e em sua terra natal, como Representante Élfica no Exterior, esses fatos acabaram por aproximar muito o Reino Élfico a Nova Kandarim.

Aenith acabou se apaixonando e casando com um elfo chamado Feliciu, um estranho elfo que se isolou do Reino Élfico e viveu como mercenário por anos. Agora casada, ela vive em uma mansão em Ardonha, porém, Maedir não a abandonou e vive por perto, ainda ao lado da Embaixadora.

Posses:

Equipamento:

-Primário:


  • Lança Elfica de Cristal.

  • Armadura de Malha sobre Couro Elfica, com brasão dos Cadarn.

  • Elmo Médio Élfico.

  • Sabre Elfico de Cristal.


-Secundário:


  • Facas de Arremesso de Cristal.



Dinheiro: 20.000 Moedas de Ouro.
Posse: Sua mansão em Ardonha.
Itens: Seu alaude e outros instrumentos, seu equipamento de combate, Amuleto com Estranho Símbolo Elfico e Anel com o Brasão dos Cadarn.[/u]


Última edição por Angelloh em Sab Set 05, 2015 11:48 pm, editado 30 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://reinosdeguilenor.forumeiros.com
Fundador
Lorde
Lorde


Mensagens : 6078
Data de inscrição : 04/05/2015
Idade : 22
Localização : Rio Grande do Sul - BR

Ficha do personagem
Pontos Infracionários:
0/100  (0/100)

MensagemAssunto: Maedir Iorwerth   Seg Maio 18, 2015 6:07 am

Informações Principais:

Nome: Maedir Iorwerth.
Raça: Elfo.
Classe: Escaramuçador.

Características:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Aparência: Um homem de ótima aparência e pose. Não tão alto para o padrão elfico, tendo 1.88 de altura, porém, isso apenas acentua sua beleza. Longos cabelos negros, pele branca ( levemente enegrecida pelo principio da corrupção, porém interrompido) e olhos escuros, tem um corpo perfeitamente cuidado, atlético e levemente musculoso, inveja de muitos dos elfos e venerado pelas elfas.
Personalidade: Maedir é um homem belo e ele sabe disso, isso resume sua personalidade. Otimista, egocêntrico, levemente arrogante e narcisista. Mas por trás do homem alegre e cafajeste, vulgo sucesso com mulheres e homens, ele esconde um interior sensível para emoções, variando entre uma vingança sanguinária e exagerada para depressões profundas e, aparentemente, sem fim.
Qualidades: Otimista, Ótimo Humor e Apelo Sexual.
Defeitos: Egocêntrico, Narcisista e Explosivo.
Idade: 76 anos.

Informações Gerais:

Trabalho/Ocupação: Capitão da Guarda da Embaixadora Aenith.
Residência: Vive em uma grande casa de dois andares em Ardonha.
Vestes: Ele geralmente anda com vestes variadas, sempre mudando de roupa e sempre vestindo algo elegante e de bom gosto, entre roupas caras e belas jóias masculinas.

Estatísticas:

Pontos Vitais: 580
Ataque: 500 (1025**)
C. a Distância: 460 (1130*)
Magia: 0
Defesa: 500 (1275*)(1225**)
Resistência: 450 (650)
Agilidade: 400 (520*)(540**)
P. de Evocação: 0

Nível: 100

Bônus por Equipamento:

Lanças de Arremesso e Escudo Redondo:*

+140% de Combate a Distância
+155% de Defesa
+45% de Resistência
+30% de Agilidade

Sabre Elfico e Escudo Redondo:**

+105% de Ataque
+145% de Defesa
+45% de Resistência
+35% de Agilidade

Habilidades, Conhecimentos e Especialidades:

Especialidades:


1- Combate com Lanças de Arremesso,
2- Combate com Sabres Elficos,
3- Combate com Espadas Curtas,
4- Combate com Arcos Curtos,
5- Combate com Escudos Redondos,
6- Combate em Armaduras Médias,
7- Combate com Venenos,
8- Combate Montado em Feras Terrestres,
9- Especialização de Guerreiro Elfico.

Conhecimentos:


Foco Enorme/Principal:
- Sobrevivência em Ambientes Hostis.
Focos Grandes:
- Geografia (Terras Elficas, Kandarin, Asgarnia, Misthalin e Karanja).
- Extermínio.
Focos Médios:
- Estratégias e Táticas.
- Persuasão e Diplomacia.
- Religião. (Zamorakiana, Zarosiana e Serenita)
Focos Pequenos:
- Restante.
- Língua Padrão Guilenoriana.
- Língua Élfica.
- Língua Zarosiana Antiga.
- Língua Demoníaca.
- Língua Gnomica.
- Língua Anã.
Conhecimentos Especiais:


Habilidades de Criação:


Carpintaria - Nível 41


Habilidades Especiais:

Combate:


Peso Incomodante(Ativa): Lanças de Arremesso são armas complicadas, mesmo se você acertar o escudo de um inimigo, ele ainda vai estar com problemas e Maedir sabe muito bem disso. Na ativação, Maedir faz força extra no arremesso, causando 100% de dano e 4 turnos de atordoamento no impacto, se errar, causa 2 turnos de atordoamento se o inimigo empunha escudos.
Confiança Própria(Passiva): Maedir é confiante em suas habilidades, as vezes, um pouco irritante. Maedir tem um bônus fixo de 20% em Ataque e Combate a Distância.


Interpretativa:

Sobrevivência é para os Atentos:  Maedir é experiente em sobreviver em ambientes hostis, tendo sobrevivido várias situações junto de Aenith, na maioria dos casos, tendo que salvar ambos ou até mais companheiros, com isso, Maedir acabou por criar uma espécie de paranoia, ficando sempre atento em locais que considera hostil. Emboscadas contra Maedir ou alguém que o acompanha são o dobro mais difíceis.
Olhos do Predador: Pelo vasto conhecimento em Extermínio de Maedir, o elfo acabou virando o Predador de Predadores. Por conhecer quase todas as feras, ou vendo-as pessoalmente ou estudando-as em suas viagens, Maedir conhece as características e pontos fracos das mesmas. Ao olhar para uma fera e reconhece-la, fora poder descrever ela por seu conhecimento em Extermínio, Maedir também pode apontar os pontos fracos da mesma.
Guerrilheiro:(Aprimorado) Maedir é um experiente Escaramuçador e Guerrilheiro, sabendo como montar efetivas emboscadas, tanto de forma individual quanto com tropas. Toda emboscada feita por Maedir tem o dobro de chances de dar certo e é o triplo mais difíceis de serem notadas/localizadas.



História:

Primeira Parte da Saga:

Maedir não conheceu seus pais, foi criado por um Iorwerth que ele nem tem certeza se é seu tio ou algum parente distante, por via das dúvidas, Maedir o chama de tio, ou melhor, tio Nelancar. Maedir foi criada sobre a sombra da família Iorwerth, algo um tanto complicado comparado a criação das crianças das outras famílias, principalmente quando ele não tinha um pai e mãe. Porém, Maedir não pode reclamar de seu tio Nelancar, ele foi um homem decente e presente, um tanto excêntrico e arrogante as vezes, mas alimentou Maedir e o treinou.

Conforme o elfo crescia e estudava a arte da Espada, ele foi se transformando em uma miniatura de seu tio, se espelhando no velho homem que era a sua única figura que ele poderia se inspirar, aos poucos Maedir iria ficando arrogante. Maedir ainda não teria finalizado o treinamento padrão e o seu tio seria assassinado brutalmente na floresta, seu corpo seria encontrado junto do da de uma elfa Cadarn, algo que seria suspeito na época, mas seria dito que foram emboscadas por feras, Maedir sabia que aquilo estava mal explicado e começaria a correr atrás das respostas. Não demoraria muito tempo para ele começar a acha-las, porém com esse conhecimento viria inimigos, aonde Maedir foi obrigado a se afastar de Prifddinas, aproveitando a viagem de uma outra jovem elfa, acompanhando-a em suas aventuras.

Maedir e a tal elfa viajaram por anos por Guilenor, aprendendo diversas coisas novas,ensinando a sua companheira Cadarn a usar lâminas e lanças em combate corpo-a-corpo, a vida na estrada faria o jovem elfo se preocupar menos com os outros e mais consigo mesmo, a única outra pessoa que ele se importaria seria a sua companheira elfa, sua leal amiga, a única pessoa que ele confiaria, uma amizade construída com o tempo. Muito tempo se passaria ao lado da elfa e então ela decidiria voltar para Tirannwn, Maedir ficaria receoso com sua escolha mas voltaria com ela, ele sabia que ela era mais esperta e descobriria mais sobre a morte de seu tio e as conspirações que aconteciam por lá.

Ao retornarem, a elfa foi nomeada Embaixadora Cadarn por seu conhecimento e Maedir permaneceu ao lado dela, como seu guarda-costas, morando até na mesma casa que da elfa.

Segunda Parte da Saga:

Os anos não mudaram quase nada para Maedir, ele manteve a sua "forma de viver", dormindo com vários homens e mulheres, trabalhando e viajando ao lado de Aenith e sendo sarcástico nos momentos errados.

A mudança foi que agora Aenith tem uma guarda própria, porém, Maedir é o capitão desta guarda, composta por homens e elfos.

Posses:

Equipamento:

-Primário:


  • Lanças de Arremesso de Cristal.

  • Armadura de Placa sobre Couro Elfica, com brasão dos Iorwerth.

  • Elmo Médio Elfico.

  • Escudo Redondo Elfico, com brasão dos Iorwerth no centro.


- Secundário:


  • Sabre Elfico de Cristal.

  • Escudo Redondo Elfico, com brasão dos Iorwerth no centro.



Dinheiro: 5.000 Moedas de Ouro.
Posse: Sua grande casa de dois andares em Ardonha.
Itens: Roupas caras e jóias, seu equipamento de combate, anel com brasão dos Iorwerth, livros e esquemáticas de extermínio e uma mochila relativamente grande com seu equipamento de sobrevivência.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://reinosdeguilenor.forumeiros.com
 
Embaixadora Aenith Cadarn, Lady de Ardonha e Mestre das Línguas (Personagens Terciários - Angelloh)
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Vendo] - Mestre Shon.
» [Comentários] Kakaxiliu - Capas para Misty de Lagarto & Mestre Cristal
» [Indicação] K-Drama ~ Oh! My Lady
» [LC Models] Mestre Ares
» [Imagens] Mestre Cristal

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Reinos de Guilenor :: Saga da Quinta Era :: Arquivo da Saga da Sexta Era :: Fichas dos Personagens-
Ir para: